Buscar

Volta às aulas: mudanças na rotina da amamentação

Se seu filho começou as aulas agora e você notou uma mudança na rotina dele, não se desespere. O início da vida escolar, adaptação ou a voltas às aulas é um marco importante para as crianças e podem trazer muitas mudanças no dia a dia delas, como alterações no sono e na alimentação. Neste segundo caso, é muito normal acontecer algo que é chamado de “reverse cycling” ou invertendo o ciclo, em uma tradução literal. Isso acontece quando os bebês e crianças pequenas invertem os horários da amamentação, ou seja, passam a mamar com mais frequência à noite do que durante o dia.



Isso acontece por alguns motivos, mas, no caso do começo das aulas, a razão mais comum e evidente é a separação da criança da mãe. Nas horas em que as crianças ficam na escola ou creche, por mais que ela seja alimentada durante este período, ao voltar para casa, ela acaba invertendo o ciclo de amamentação, mamando mais durante a noite do que de dia. O motivo? Três situações podem ser identificadas aqui: uma delas é que talvez a criança não esteja mamando a quantidade adequada na escola e, por isso, irá sentir fome à noite; a outra é que, para suprir a necessidade de proximidade, a criança usa a sucção não nutritiva. E a terceira é quando a criança precisa de ambos: nutrição e conforto.

Esteja ciente que depois de um dia muito agitado, como são os dias em que as crianças passam na escola, com muitas atividades, por exemplo, o que mais o seu filho precisa é de um tempo individual com você - e o momento da amamentação é um dos mais importantes de conexão entre mãe e filho. Por isso, seja paciente e não se estresse - considere isso um elogio.

Algumas dicas para quando isso acontecer:

Primeira sugestão deve ser tempo especial, a segunda fazer cluster feed, isto é, ter várias mamadas com curtos intervalos de tempo quando vocês se encontrarem no final do dia. O importante é saber que o bebê está recebendo a quantidade de leite que ele precisa, mesmo que isso signifique uma “maratona do mama” no final do dia. Alterar um padrão de ciclo reverso pode ser desafiador e, muitas vezes, até frustrante. Mudanças repentinas na rotina, também exigem um período de ajuste. Mas seja paciente, afinal, o ciclo reverso não dura para sempre!

Durante o despertar noturno do bebê, mantenha tudo calmo, silencioso e escuro (se precisar de uma luz para amamentar, tente usar uma luz mais suave); Você pode conversar com seu bebê, dizer o quanto o ama e “olho no olho”.

Estabeleça um ritual noturno para o bebê saber que é hora de dormir, como dar banho, fazer uma massagem, contar uma história ou cantar e a própria mamada. Isso ajuda a sinalizar para a crianças que já é hora de dormir;

Mantenha o bebê o mais próximo possível durante a noite para maximizar o sono dele e de toda a família - uma boa opção é ter o bebê em no seu berço ou superfície no mesmo quarto dos pais.

O mais importante nessa situação é que você garanta que o seu filho esteja conectado a você, por isso, até essa fase passar, faça com que ele tenha muitas chances de mamar quando estiverem juntos. Lembrando que a proximidade é sempre a solução.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now